O Atlético Mineiro se classificou para a competição sul-americana depois de ficar na segunda colocação do Campeonato Brasileiro do ano de 2012, Depois de 13 anos, o Atlético-MG voltou a disputar a Copa Bridgestone Libertadores de 2013 , Essa seria a  5º participação do Galo no torneio que nunca tinha conquistado.

O Atlético-MG foi supremo na primeira fase da Libertadores de 2013. O time teve pouca dificuldade nas oitavas de final, mas precisou de milagres nas quartas e semifinal para finalmente chegar à decisão.

 

Grupo de Fases da Libertadores de 2013

O primeiro jogo da Libertadores de 2013 foi contra o  São Paulo e venceu a partida pelo resultado de 2 a 1 no estádio Independência. Quem não se lembra do “Ronaldinho” a jogada genial de um crack, experiencia de um campeão. O  gol do aconteceu de fato por experiencia do gênio,  A bola tinha saído pela lateral a favor do time mineiro. Com o jogo parrado, Ronaldinho pediu  água ao Rogério Ceni . Enquanto se refrescava, trocou algumas palavras com o goleiro. Quando a partida retorno, livre e sem marcação, pediu a bola e Marcos Rocha cobrou o lateral , e sozinho, cruzou para Jô abrir o placar. No final do jogo, o camisa 10 do Galo disse que a jogada foi um lance de sorte, porem a experiencia de quem foi campeão de quase tudo e melhor do mundo prevaleceu e pegou o São Paulo de surpresa.

Libertadores 2013

Jogos contra os Gringos

o Atlético Mineiro venceu os dois jogos contra o The Strongest (BOL) e as duas partidas contra o Arsenal de Sarandí (ARG) pela Libertadores de 2013 . Vale a pena recordar a confusão entre os jogadores do Arsenal de Sarandí e os policias mineiros após a vitória do Galo no estádio Independência lamentável.

“O jogo treino”, disse: Ronaldinho Gaucho

Os Atlético Mineiro ja classificado, iria enfrentar o São Paulo, no Morumbi, que precisava da vitória para sonhar com a classificação para as oitavas de final. No intervalo do jogo, Ronaldinho afirmou que não estava preocupado com a partida e que aquilo era um grande treino, um treino de luxo. O Tricolor venceu o Galo por 2 a 0 e se classificou. As duas equipes se enfrentariam na fase seguinte da Libertadores de 2013.

Libertadores 2013

 

“Quando esta valendo, esta valendo” Disse : Ronaldinho Gaucho

1º Jogo das Oitavas de Finais

O Atlético Mineiro reencontra o São Paulo nas oitavas de final da Libertadores de 2013. No primeiro jogo, no Morumbi, com um jogador a mais o Galo soube aproveitar a vantagem, já que o zagueiro Lúcio foi expulso aos 35 minutos do primeiro tempo, e venceu de virada o Tricolor paulista por 2 a 1.

2º Jogo das Oitavas de Finais

Jogando no estádio Independência, o Atlético Mineiro dominou o jogo e goleou o São Paulo por 4 a 1 e garantiu a classificação para as quartas de finais da Libertadores de 2013.

São Victor!

1º Jogo das Quartas de Finais

O Atlético Mineiro foi até o México enfrentar o Tijuana na primeira partida das quartas de finais da Libertadores de 2013. O Atlético Mineiro perdia o jogo 2 a 0, mas chegou ao empate com um gol no último lance do jogo, seria sorte de campeão?  foi emocionante o primeiro duelo, mas mau poderíamos imaginar o que aconteceria no segundo jogo da Libertadores de 2013.

Libertadores de 2013

 

2º Jogo das Quartas de Finais

No estadio Independência, o Tijuana abriu o placar aos 25 minutos, mas o time mineiro empatou faltando cinco minutos para o intervalo.  O Atlético Mineiro com o resultado ja estaria classificado porque o time marcou dois gols na casa do adversário.

Susto

Aos 47 minutos do segundo tempo, Leonardo Silva derrubou Marquez na área, e o Juiz marcou pênalti para os mexicanos. Riascos, pegou a bola e foi para marca de cau bater o pênalti , bateu, mas o goleiro Victor “São Victor” defendeu com o pé esquerdo e garantiu o Galo na próxima fase da Libertadores de 2013.

 

“Eu acredito, eu acredito”

1º Jogo da Semi Final da Libertadores de 2013

O Atlético-MG mais uma vez proporcionou muita emoção e nervosismo para sua torcida. No primeiro jogo da semi final contra o Newell’s Old Boys, na Argentina, o Atlético Mineiro não teve uma noite de sorte e saiu derrotado por 2 a 0. Porém, ainda havia a partida no Horto e não esta tudo acabado.

2º Jogo da Semi Final da Libertadores de 2013

O Atlético entrou em campo com os gritos de “eu acredito” da torcida no Independência,e como era de se esperar o time sofreu, mas conseguiu a vitória por 2 a 0 no tempo normal, e levou a decisão para os pênaltis.

Cobrança de Pênaltis

Foram quatro cobranças para cada lado, o duelo continuava empatado, 3 a 3. Ronaldinho Gaúcho cobrou a quinta cobrança do Galo e passou a responsabilidade para o experiente Maxi Rodriguez empatar novamente. So que embaixo das traves esta “São Victor”, e mais uma vez a estrela do goleiro brilho. Defendeu a cobrança do argentino e garantiu o Atlético Mineiro na final da Libertadores de 2013

Libertadores de 2013

Em Busca da Taça 

Final da Libertadores 2013

O Atlético Mineiro chega a final com moral e irá decidir o título da Libertadores com o Olímpia (PAR). O primeiro jogo foi na casa do adversário. E mais uma vez o Galo passa sufoco, os paraguaios venceram o time mineiro por 2 a 0 e conseguiram uma boa vantagem para o jogo de volta da Libertadores de 2013.

No final do jogo Ronaldinho Gaúcho disse: “Ainda não acabou! Temos mais um jogo pra dar o sangue e buscar esse título. Acreditamos na força do grupo e da nossa torcida. Eu acredito”, escreveu.

2º Jogo da Final da Libertadores 2013

No segundo a Conmebol mandou o jogo para o Mineirão, e a torcida faz sua parte,torcedores do Atlético Mineiro ligam para quartos do Olimpia de madrugada, e além de ligações, fãs também tentaram atrapalhar a concentração da delegação com bombas e fogos de artifício.

Libertadores de 2013

Missão Impossível? já Mais aqui e Galo

 

Final da Libertadores de 2013

O Atlético entrou em campo no Mineirão tendo que reverter a desvantagem da derrota por 2 a 0 no jogo de ida, no Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai.

O segundo tempo começou quente e, logo no primeiro minuto, após cruzamento de Rosinei pela direita, Jô aproveitou a falha do zagueiro e mandou a bola para o fundo da rede: Galo 1 x 0.

O Galo continuava a pressionar e, aos 14 minutos, depois de cruzamento pela esquerda, Leonardo Silva cabeceou na trave. Aos 19, Júnior César invadiu a área pela esquerda e chutou para a defesa de Martin Silva.

Sorte de Campeão

Aos 38, Ferreyra avançou com perigo, passou por Victor e acabou escorregando, não conseguindo concluir a jogada. No minuto seguinte, Manzur cometeu falta em Alecsandro e foi expulso após receber o segundo cartão amarelo.

Aos 41, depois de tanto cantar “Eu Acredito”, a Massa respirou aliviada. Bernard cruzou pela direita e Leonardo Silva subiu mais que a zaga do Olimpia para cabecear no canto e fazer Galo 2 x 0.

Prorrogação

Mais uma vez com o grito de “Eu acredito” ecoando no Mineirão, o Atlético foi para cima do Olimpia e, aos oito minutos, Bernard cobrou escanteio e Réver cabeceou no travessão, segue o galo pressionando o tempo todo.

 

Pênaltis

Victor defendeu a primeira cobrança do Olimpia, feita por Miranda. Alecsandro converteu a cobrança e colocou o Galo em vantagem.

Ferreyra empatou para o time paraguaio e Guilherme recolocou o Atlético na frente: 2 x 1. Candía voltou a igualar o marcador, mas Jô devolveu a vantagem para o Alvinegro.

Aranda deixou tudo igual e Leonardo Silva marcou o 4º gol atleticano. A 5ª cobrança paraguaia foi de Giménez, que mandou a bola no travessão e fez explodir o grito de Campeão no Mineirão.

Galo, Campeão da Copa Libertadores da América de 2013.

Libertadores de 2013

O Time do Atlético Mineiro na final da Libertadores de 2013 foi:

Victor; Michel, Michel, Rever, Leonardo Silva, Junior César; Pierre, Josué, Ronaldinho; Bernard, Tardelli e Jô.

Recuperado de lesão, Leandro Donizete ficará no banco como opção para Cuca.

Time do Olímpia na final da Libertadores de 2013:

O Olímpia também está escalado: Silva; Manzur, Miranda, Candia e Mazzacotte; Aranda, Pittoni, Ale Silva e Benitez; Salgueiro e Bareiro.

ATLÉTICO 2 x 0 OLIMPIA
Motivo:
 Copa Libertadores da América – Final – 2º jogo
Data: 24/07/2013
Hora: 21:50
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gols: Jô (46′), Leonardo Silva (86′)
Público pagante: 56.557
Renda: R$ 14.176.146,00
Árbitro: Wilmar Roldán (URU)
Auxiliares: Humberto Clavijo e Eduardo Ruiz
Cartões amarelos: Bernard, Luan (Atlético); Salgueiro, Martín Silva, Ferreyra, Giménez e Benítez (Olimpia)
Cartão vermelho: Manzur (Olimpia)